Dicas Importantes para realizar o tão sonhado “mochilão”

Muitas pessoas sonham em conhecer o mundo e algumas delas gostariam de colocar uma mochila nas costas e desbravar várias cidades escondidas no mapa-múndi, porém para que essa viagem seja uma aventura maravilhosa, é necessário planejamento. A Busca Prof. lhe dará dicas importantes para realizar o tão sonhado “mochilão”.

Você sabe o que significa “mochilão”?

Fazer um mochilão é uma expressão que significa viajar por conta própria de um jeito mais barato, levando o essencial e aproveitando cada destino de uma forma simples.

O termo “mochilão” é originário do inglês “backpacking”  ou “backpack” que significa mochila. Geralmente, esse modelo de viagem é utilizado por jovens recém-formados, solteiros ou apenas namorando. Todavia, não há uma idade limite para se fazer um mochilão, portanto se este é o seu sonho acompanhe nossas dicas e comece a planejar! O mais importante nesse tipo de viagem é ter disposição, disponibilidade, animação e serendipidade.

Atenção!

Normalmente, associamos o mochilão a uma viagem longa e cheia de dificuldades, mas existem diversos tipos de “mochilões” e você pode encontrar o que mais funciona para você.

Tipos de Mochilão

Você sabia que há vários modelos de mochilão? É muito importante identificar o modelo que se encaixa no seu perfil para dar sequência ao projeto da viagem:

Mochilão clássico

É a forma mais tradicional do mochilão, logo esse modelo refere-se a uma viagem mais longa, podendo durar meses ou anos e o mochileiro conhece vários destinos internacionais. Esse mochilão é costumeiro entre jovens que decidem tirar um ano sabático, geralmente, não há roteiro bem definido e os mochileiros vivem experiências únicas. 

Como fazer um mochilão: guia para iniciantes
Dicas importantes para realizar o tão sonhado “mochilão”

Mochilão de curta duração

Esse modelo de viagem dura em média 90 dias e geralmente ocorre nas férias. O mochileiro tenta aproveitar o máximo de cada lugar e conhecer vários países, logo os destinos mais visitados são os pontos turísticos principais.  

Mochilão de um destino

O mochilão de um destino não conhece vários lugares, sua característica principal é realizar uma viagem barata e aproveitar experiências intensas no destino escolhido, logo o objetivo é vivenciar o dia a dia da população local. 

Agora que você já identificou sua categoria de mochileiro, daremos dicas importantes para realizar o tão sonhado mochilão: 

  1. Defina a data de ida e volta;
  2. Escolha o destino;
  3. Faça uma estimativa de gastos para esta viagem;
  4. Não tenha excesso de bagagens: leve o essencial; 
  5. Fique de olho na documentação exigida no país ou países que irá conhecer;
  6. Monte um roteiro;
  7. Pesquise sobre as características geográficas, climáticas, políticas e culturais do local ou locais estimados;
  8. Conheça o sistema de transporte público;
  9. Pesquise sua hospedagem;
  10. Contrate um seguro viagem;

Busca a Dica!

Faça o relato dessa viagem, tire muitas fotos, tente documentar esse período, pois nossa memória é passageira. Registre essa viagem e tenha uma recordação eterna!

E se der ruim na trip?

Mochilão: guia definitivo
Dicas importantes para realizar o tão sonhado “mochilão”

Se você está fazendo aquele mochilão pela Ásia, visitando amigos nos países vizinhos da América Latina, se bronzeando no Caribe ou fazendo intercâmbio no Canadá, sabemos que nada pode dar errado em terras “estrangeiras”. Mas afinal, a quem eu devo pedir ajuda se algum imprevisto ocorrer no meio de uma viagem internacional? AO CONSULADO

O Consulado age como governo brasileiro perante as autoridades estrangeiras e a comunidade nacional que estiver naquele país. O cidadão brasileiro que se encontre no exterior, residente ou transitório, tem o direito de buscar a assistência da repartição consular de seu país, sendo protegido no Estado receptor dentro dos limites permitidos pelo Direito Internacional. 

Dentre as funções do Consulado-Geral estão:

  • Proteger e prestar assistência aos cidadãos brasileiros em sua jurisdição, respeitando-se os tratados internacionais vigentes e a legislação do país;
  • Expedir passaportes e outros documentos de viagem;
  • Emitir vistos de entrada no território brasileiro para cidadãos estrangeiros;
  • Encaminhar processos de perda e de reaquisição de nacionalidade brasileira; 
  • Oferecer pequenos auxílios financeiros a brasileiros que estejam comprovadamente desvalidos no exterior; 
  • Custear passagens de repatriação de brasileiros que queiram retornar definitivamente ao Brasil, desde que cumpridos os requisitos legais; 
  • Defender os brasileiros de discriminação e assegurar a garantia de seus direitos humanos; 
  • Verificar a possibilidade de oferecer orientação jurídica ou psicológica a nacionais;  prestar assistência a brasileiros detidos;
  • Elaborar planos de contingência para eventuais catástrofes naturais ou tensões sociopolíticas;
  • Permitir o exercício do direito de voto do cidadão e outros serviços que a legislação eleitoral determinar;
  • Agir na qualidade de notário e oficial do registro civil, realizando registros de nascimento, casamento e óbito, emitindo procurações, atestados e outros atos notariais;
  • Efetuar a matrícula consular, quando disponível o serviço;
  • Realizar alguns atos próprios do Serviço Militar;

Os nacionais têm a obrigação, em contrapartida, de sujeitar-se ao ordenamento jurídico e determinações das autoridades públicas do Estado ao qual voluntariamente se deslocaram.

Gostou das dicas de hoje? Está animado para realizar um mochilão internacional? A Busca publica textos semanais a respeito de vários assuntos como educação, leitura, profissão, saúde e dicas de viagem. Embarque conosco nessa aventura!

Referências

BRASIL. Ministérios das relações exteriores. Disponível em:https://www.gov.br/mre/pt-br/assuntos/portal-consular/. Acesso em: 10 jun.2022

BRASIL. Consulado Geral do Brasil em Buenos Aires. Disponível em: www.cgbuenosaires@itamaraty.gov.br. Acesso em: 10 jun. 2022.

BLOG MAXMILHAS. Como fazer mochilão com pouco dinheiro?. Disponível em: https://maxmilhas.wpengine.com/dicas-de-viagem/como-fazer-mochilao-com-pouco-dinheiro-veja-aqui. Acesso em: 10 jun. 2022

PAGANI, M. Blog Volto Logo. 10 dicas de como fazer um mochilão [Bem Sucedido]. Disponível em: https://www.voltologo.net/como-fazer-um-mochilao/. Acesso em: 10 jun. 2022.

Cristiane Miranda
Cristiane Miranda

Cristiane Miranda é paulistana e trabalha para o Consulado-Geral do Brasil em Buenos Aires, cidade que ama e mora há treze anos. É Nietzscheniana de carteirinha, entusiasta da filosofia Wabi Sabi e connoisseur de hambúrgueres. Nas horas livres tenta transformar o apartamento em uma pequena floresta, enquanto pratica Tai Chi com seu noivo. Atualmente faz aulas de acrobacia em tecido, é parte de uma orquestra como violinista e faixa roxa em origamis.